Ideias e Dicas de Ceia de Natal Econômica

Sugestões para não gastar muito com a ceia de natal.

A festa de natal é um dos momentos mais esperados por todos – mesmo para os não cristãos, mas que estão inseridos fortemente nesta cultura, uma vez que o principal objetivo é reunir a família, amigos e confraternizar renovando os todos os laços de afeto e amizade. A ceia de natal também costuma ser uma festa um pouco salgada: decoração, presentes, comes e bebes. São muitos os itens que compõem a mesa e toda a festividade.

Mas não é necessário gastar muito para ter uma festa muito aconchegante, gostosa e alegre. Basta seguir algumas dicas fundamentais e fazer um planejamento antecipado.

Os itens alimentícios tradicionais de festas natalinas costumam ter os preços elevados já no mês de dezembro. O ideal é que o planejamento da ceia, em especial, seja feito com bastante antecedência. Frutas secas, grãos como nozes, amêndoas e castanhas não são tão perecíveis. Podem ser compradas e armazenadas na geladeira. Além disso, comprá-las em centros cerealistas, em quantidades maiores, pode significar uma redução de custo de até 40% no total gasto.

Para quem não abre mão de ter na mesa a tradicional ave de natal, o peru, o mesmo procedimento deve ser realizado. Comprá-lo um mês antes, fora do pico dos preços é uma boa saída. Mas lembre-se: é necessário ter espaço no congelador ou freezer, pois carnes são perecíveis e devem ser mantidas sob refrigeração adequada.

Optar por ter um prato principal, com carne, ou frango, também é uma forma de economizar. Ao invés de fazer uma tradicional bacalhoada, que embora seja uma delícia, porém costuma triplicar de valor próximo à data natalina. Troque o bacalhau por outro peixe – o Saint Peter, por exemplo. O quilo do filé custa um terço do preço sugerido do bacalhau. Também procure servir as carnes com parcimônia. Faça pratos mais diversificados e em menor quantidade, para não haver desperdícios nem sobras que fiquem para além do almoço do dia 25.

O mesmo procedimento deverá ser mantido em relação às bebidas e às sobremesas. Escolher entre fazer uma gelatina com creme ou servir sorvete com frutas frescas – tão tradicionais, fica elegante e é mais econômico. Procure servir sucos naturais – feitos com frutas da estação, água e um bom vinho para acompanhar o prato principal.